Kangibrina

Palmeiras e o caso Wesley: crowdfunding, mendicância ou jogada de marketing?

27 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 16:36 ]

O Palmeiras está sendo o primeiro grande clube brasileiro a utilizar o serviço do MOP (My Own Player), site em que torcedores contribuem com cotas em dinheiro para que seu time do coração contrate jogadores.

O atleta em questão é o meia Wesley, de 24 anos, cujos direitos pertencem ao Werder Bremen, clube de futebol alemão. Para contratar o jogador o Palmeiras precisa arrecadar aproximadamente R$ 21 milhões até o dia 25 de março para pagar a agremiação.

Caso o valor não seja alcançado, a contribuição será devolvida aos participantes. No momento em que este post está sendo redigido, 24 horas depois do lançamento da campanha Wesley no Verdão, cerca de R$ 157 mil foram arrecadados.

Se essa média de arrecadação se mantiver, o Palmeiras conseguirá arrecadar em 30 dias pouco mais de R$ 4,7 milhões, ou seja, cerca de 25% do total necessário, impedindo que a transferência seja concretizada.

Toda essa movimentação em torno da contratação de Wesley me fez pensar em muitas coisas, boas e ruins (informação importante para você, leitor: sou parmerista fanático. Sim, fazer o que?), e intrinsecamente ligadas. Vou sustentar minha linha de raciocínio sob o tripé: 1) positivo, 2) negativo e 3) Uau, que puta jogada de marketing.

Do ponto de vista positivo, não há como negar que o Palmeiras está sendo extremamente ousado ao apostar no conceito de crowdfunding para contratação do meia.

Para quem não sabe, crowdfunding é um movimento colaborativo de arrecadação de dinheiro via mídias sociais, visando a realização de um projeto, oferecendo alguma contrapartida ao endossante (no caso, a contratação do jogador).

No Brasil, o site mais conhecido de crowdfunding é o Catarse. Essa postura vanguardista, para um clube que é assombrado constantemente por mentes obscuras da Camorra, é algo alentador e que dá esperanças à torcida por dias melhores.

Do ponto de vista negativo, tem o fato da diretoria do clube, depois de quase um mês de negociações, não ter conseguido levantar recursos para selar a transação.

Conclusão: o presidente Arnaldo Tirone e companhia limitada tiveram que assinar o atestado de incompetência e mendigar ajuda para o pobre do torcedor. Um papelão!

E se essa vaquinha não der certo, o clube certamente será protagonista de um dos maiores micos da história do futebol brasileiro. E aqui cabe mais uma consideração: R$ 21 milhões por um jogador mediano como o Wesley? Francamente…

Agora, tem a última alternativa, que, se for verdadeira, realmente será uma jogada genial de marketing.

A hipótese que passei a levar em consideração é a seguinte: o MOP estava querendo receber os holofotes da mídia para começar a atuar no futebol brasileiro.

Primeiro tentou acordo com o Corinthians para trazer o volante Christian e depois o São Paulo para viabilizar o retorno do atacante Nilmar. Não deu certo.

O Palmeiras apareceu então como opção. E já tinha um jogador praticamente engatilhado, o tal Wesley que, de reforço garantido e praticamente anunciado, passou a ser dúvida.

Tudo bem que a atual direção palmeirense é um poço de incompetência, mas achei muito estranha essa repentina ausência de crédito bancário.

Veja: o clube alemão já havia aceitado a proposta alviverde e liberou o jogador, que por sua vez veio para o Brasil e acertou os salários e o Palmeiras já fez sua pré-inscrição no Campeonato Paulista.

Estranho, não? Seria uma imensa irresponsabilidade de todos os envolvidos (Palmeiras, Werder, Wesley, que inclusive já está treinando com o elenco) chegar a esse ponto sem a mínima garantia.

Ao que parece, o Palmeiras tem o dinheiro, mas como surgiu essa proposta para divulgar o My Own Player (espero que tenha sido um acordo bom para o clube, e não para o dirigentes) a estratégia foi criar essa novelinha, que conta com um final feliz garantido.

Se essa hipótese estiver correta, o que vai acontecer é que, faltando poucas horas para encerramento do prazo de pagamento, o Palmeiras, um banco ou qualquer outra instituição fará o depósito com o valor faltante e Wesley será contratado.

Com isso, torcedores, dirigentes, o jogador e, principalmente o MOP, ficarão felizes. Com o sucesso da empreitada alviverde, outros clubes ficarão estimulados a utilizar o crowdfunding para contratar atletas.

Agora, se essa hipótese for verdadeira e vier a público, o que vão pensar os torcedores que colaboraram com o fundo, sendo que o clube tinha o dinheiro? Verdadeiros idiotas, né?

Acho que, independentemente do desfecho dessa história, é necessário fazer uma apuração profunda para saber quem de fato está por trás dessa parceria envolvendo Palmeiras e o MOP.

Steve Jobs em sua primeira aparição na TV

25 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 19:01 ]

Sempre antes de uma palestra, curso, entrevista ou outro tipo de aparição pública, costumo sentir certa ansiedade.

Normal. Esse é um sintoma comum em 99% das pessoas em situação como essa, principalmente quando se é novato na bagaça.

Com a experiência que se vai adquirindo, ensaios constantes e o aprendizado de técnicas específicas é possível ir deixando os nervos no seu devido lugar.

Mas o fato é que, apesar de tudo, nem mesmo o mestre dos magos Steve Jobs, cujas apresentações são inspiração para 11 de cada 10 palestrantes, ficava livre da tensão pré-palco.

Veja esse vídeo de 32 anos atrás com cenas dos bastidores da primeira entrevista do criador da Apple na TV, em que, lá pelas tantas, ele, com um riso nervoso, solta a frase: “Estou terrivelmente nervoso e pronto para vomitar a qualquer momento. Eu não estou brincando”.

Confesso que achei estranho ver Jobs, uma muralha de segurança e assertividade, mostrando-se frágil e inseguro, revelando uma faceta sua pouco conhecida, a de um “mortal comum”.

Mais do que uma curiosidade, esse vídeo é um incentivo para todos que querem vencer o receio de falar em público e brilhar nos palcos.

Sem querer, Jobs, mais uma vez, veio para nos inspirar.

compartilhe:
Share
Nenhum comentário

Além de logos, estimule seu filho a reconhecer obras de arte

24 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 16:46 ]

Achei muito bacana um vídeo gringo que bombou há algumas semanas mostrando uma menina de cinco anos reconhecendo e comentando sobre logos famosos.A perspicácia dela é cativante. Imagino que qualquer publicitário queria ter uma filha assim…

Mas sabe o que seria infinitamente mais bacana? Uma criança de cinco anos – ou até mais – que reconhecesse pinturas famosas. Não seria o máximo?

Até porque, depois de mais alguns anos, não é nada demais um baixinho reconhecer marcas. É até natural. Mas um pimpolho que reconheça e converse sobre artes, ah, isso sim seria um fenômeno.

E com uma outra grande vantagem: reconhecer e conversar sobre pintura e artes em geral continua sendo um diferencial na adolescência e na vida adulta.

(E aqui vai um segredinho do tio para os meninos que ainda usam calças curtas: as mulheres adoram um cara que entenda de artes e afins…)

Na apresentação acima há algumas obras famosas com o nome de seus respectivos autores, que podem servir como inspiração para que pais e filhos conversem e pesquisem a respeito desse edificante assunto.

  • tags:
compartilhe:
Share
Nenhum comentário

Quem quer ser Joe Strummer?

15 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 16:52 ]

Joe Strummer – The Future Is Unwritten (Documental) from hardcorepunkarg7 on Vimeo.

Da santíssima trindade do punk rock (Ramones, Clash e Pistols, necessariamente nesta ordem), todos já foram temas de uma infinidade de documentários. Porém somente os últimos inspiraram um blockbuster cinebiográfico (Sid & Nancy – O Amor Mata, que retratou a louca trajetória do baixista Sid Vicious).

A boa nova é que no final do ano passado a revista Variety publicou que a vida do líder do Clash, Joe Strummer, vai virar filme (em 2007 sua epopeia foi contada no documentário The Future is Unwritten, que pode ser conferido acima).

Dirigido pela tesudíssima e talentosíssima – a ordem deixo por sua conta – Julie Delpy, o longa vai se chamar The Right Profile, nome de uma das faixas do lendário álbum London Calling.

Ora, nada mais justo. Se até a insonsa da Cherie Currie, vocalista das Runaways, que representa bem menos para a história do rock, já foi parar nas telonas, porque não um dos mais carismáticos frontman da história do cancioneiro jovem?

Embora feliz com as alvíssaras, uma pergunta não me sai da cabeça, desde então: quem será escalado para representar o cara? A pica não é pequena, manolo. A responsa de interpretar Strummer não pode recair sobre atores iniciantes ou de segunda linha. Nada de Shia Labelouf, Justin Timberlake e cia.

A escolha tem que ser bem-feita, para fazer jus à grandeza do cara e, principalmente, não decepcionar fãs. Já imaginou que ridículo ter que aturar um monte de punk velho fazendo passeata em frente ao Espaço Unibanco? E outra coisa: serão necessários pelo menos 3 atores, para retratar infância e adolescência e vida adulta.

Por certa semelhança física e talento, alguns candidatos para ser o Joe Strummer adulto que sugiro são: Joaquim Phoenix, Mark Rufallo, Vincent Gallo

E você, clashmaniaco? Quem sugere para vestir a pele do vocalista do Clash?

compartilhe:
Share
Nenhum comentário

Domino´s vai dar 500 doletas para quem criar seu novo uniforme

10 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 18:33 ]

Depois que usou com sucesso as mídias sociais para reverter o linchamento público a qual foi submetida com o famoso vídeo no Youtube, em que dois funcionários faziam coisas à la Jack Ass com os alimentos, a Domino´s Pizza parece que tomou gosto de vez pelas redes.

Somando-se aos consagrados Show us your pizza (blog em que os clientes colocam fotos das pizzas que recebem e a empresa premia as mais votadas) e o pizza tracker (no qual o cliente acompanha o estágio de produção da pizza, incluindo o nome do funcionário que a está preparando) a Domino´s lançou agora o Think Oven.

Trata-se de uma página no Facebook onde as pessoas podem sugerir idéias e serem recompensadas financeiramente por isso. A primeira ação envolve a mudança do uniforme dos funcionários (acima, proposta enviada por internauta). A Domino´s pede sugestões de visual, por escrito ou por imagem. A ideia vencedora ganhará 500 dólares de prêmio.

Olha o bloco das mídias sociais aí, gente!

08 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 14:25 ]

Se é verdade que o ano no Brasil só começa depois do Carnaval, que tal iniciar 2012 adquirindo mais conhecimento sobre um dos assuntos mais comentados do momento?

O curso Como Destacar Sua Empresa nas Mídias Sociais apresenta ideias e estratégias que companhias do mundo inteiro estão adotando para se relacionar com seus consumidores no Facebook, Twitter, Orkut, Instagram, LinkedIn, Tumblr e outras redes.

Ministrado pelo consultor de marketing digital Denis Zanini, o curso, com 4 horas de duração, aborda a origem das mídias sociais, o perfil de seu usuário, os 4 Es (Experimentação, Engajamento, Exclusividade e Emoção), o conteúdo a ser desenvolvido em cada canal, o sucesso crescente do mobile marketing, tudo com uma ampla apresentação de cases.

O curso é indicado para empresários, profissionais autônomos e estudantes que querem saber como utilizar esses canais de forma profissional, estratégica e eficiente.

Venha conhecer IDEIAS e estratégias que estão revolucionando a forma de se relacionar entre empresas e consumidores e DESTAQUE-SE no mundo das MÍDIAS SOCIAIS. Transforme sua MARCA num case de SUCESSO!

Mais informações: www.suaempresanasmidiassociais.com.br

Conheça Hugh Newman, o caixa de estacionamento mais simpático do mundo

07 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 14:20 ]

Validation é um sensacional curta-metragem que mostra como o poder do sorriso, a força do elogio e a postura positivista com relação à vida muda completamente as relações humanas.

A história gira em torno de Hugh Newman, um caixa de estacionamento que, por elogiar os clientes, fica famoso e acaba sendo requisitado até para mediar conflitos bélicos.

Tudo ia bem até que ele se apaixona por uma fotógrafa que, apesar de todos os seus esforços, não consegue sorrir. Confira no vídeo acima o desfecho dessa cativante história.

Vi lá Zupi

  • tags:
compartilhe:
Share
Nenhum comentário

Os 8 segundos de silêncio de Steve Jobs

06 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 14:12 ]

The Steve Jobs Moment of Silence from Moment of Silence Inc.® on Vimeo.

O “Momento de Silêncio de Steve Jobs” é um arquivo de áudio digital que coloca um intervalo de 8 segundos de silêncio entre uma música e outra de seu playlist. Os 8 segundos representam os 8 anos em que Steve lutou contra o câncer de pâncreas.

O download do arquivo, que está disponível na iTunes Store, custa 99 cents de dólar e a verba será destinada a instituições de combate à doença.

Mais informações no site http://stevejobsmomentofsilence.org/

compartilhe:
Share
Nenhum comentário

Dickens faz aniversário, mas quem ganha é você

05 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 15:17 ]

Para comemorar os 200 anos de nascimento de Charles Dickens, que acontecerá no dia 7 de fevereiro, a editora L&PM criou uma promoção muito bacana. Para participar basta acessar o tumblr Miniconto para Charles Dickens e postar um miniconto de 200 caracteres (com isso tudo, pra quem tá acostumado com Twitter, dá até pra escrever um romance). O tema é livre.

Legal, né? O vencedor receberá um kit com “Um Conto de Natal” na versão pocket e na edição em quadrinhos – da série “Clássicos da Literatura em Quadrinhos” – além do livro de contos “Histórias de Fantasmas”. Tudo isso, embalado em uma bolsa serigrafada com o retrato de Dickens.

Mas corre que a promoção termina no dia 7 de fevereiro (terça).

Cuidado! Sua cidade vai ser invadida pelo ônibus hacker!

02 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 9:13 ]

O Ônibus Hacker é um projeto de discussão social colaborativo, que viaja pelo país promovendo oficinas de programação, produção de informação, elaboração de projetos de lei e uma diversidade de outros temas.

Apesar do nome indutivo, o Ônibus Hacker não é uma ação carbonária ou de inclusão digital. A ideia é reunir pessoas para a discussão dos problemas locais e juntos achar caminhos que levem à solução, baseados, principalmente, na autonomia e na sustentabilidade.

Cerca de 15 profissionais, entre jornalistas, advogados, designers, programadores, artistas, gestores públicos trabalham voluntariamente no projeto. Enquanto metade do ônibus é ocupada por poltronas, a outra é um Hacklounge, um espaço de trabalho, com internet, computadores e outras ferramentas.

No caminho, eles trabalham coletivamente e conversam sobre política, educação, cultura, tecnologia. Quando chegam a uma cidade, a visita já é esperada. A população os recebe e juntos conversam sobre a situação local e como melhorá-la.

Esse laboratório de criação ambulante foi totalmente financiado pelo sistema de crowdfunding, ou seja, o sistema de doação voluntária pela internet. O site utilizado foi o Catarse. Eles obtiveram pouco mais de R$ 58 mil, que foi utilizado para comprar, reformar e equipar o ônibus e financiar as primeiras viagens.

Em pouco mais de 1 mês de estrada, o busão já passou por São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. Mais sobre a história e o andamento do projeto pode ser conferido na Wiki do Ônibus Hacker.

  • tags:
compartilhe:
Share
Nenhum comentário

Comerciais do Super Bowl 2012

01 02.2012
Por Denis Zanini Lima [ postado às 9:39 ]

O Super Bowl, a decisão do futebol americano que neste acontece no próximo domingo (5/2), é o programa de maior audiência dos Estados Unidos. Por conta disso, para veicular um único comercial de 30 segundos, é necessário desembolsar a bagatela de 3,5 milhões de doletas.

Assim, dezenas de marcas fazem filmes especiais para exibir nos intervalos do jogo. Há diversos casos de propagandas que se tornaram épicas, como a inesquecível 1984, da Apple.

Neste post, selecionamos alguns comerciais que serão exibidos, com destaque para a volta de Ferris Bueller (o lendário personagem de Matthew Broderick em Curtindo a Vida Adoiado), fazendo propaganda da Honda, numa brincadeira que custou ao todo 17 milhões de verdinhas, e Jerry Seinfeld, protagonizando o comercial do Acura NSX.

Nos intervalos também será possível ver Donald Trump no primeiro comercial da imobiliária Century 21 no Super Bowl, o jogador inglês David Beckham no comercial da rede de roupas H&M, a volta dos ursos polares da Coca-Cola e até um baile de vampiros (Audi).