Kangibrina

As crianças são a bola da vez no mobile marketing

29 11.2010
Por Denis Zanini Lima [ postado às 12:00 ]

Muito interessante esse vídeo da Sybase, empresa especializada em inteligência de mercado, que traz as mais recentes informações sobre telefonia móvel.

De todos os dados, o que mais me chamou a atenção foi o fato de 85% das crianças norte-americanas possuírem celular próprio.

Um número que impressiona, ainda mais sabendo que esse percentual supera o de baixinhos que têm livros em casa (73%).

Ou seja: relacionamento entre marcas e crianças não se dará mais pelo TV e sim por celulares e computadores.

Empresas de brinquedos e produtos infantis não podem negligenciar esse segmento, que não pára de crescer.

Outro dado relevante é que em 2015 o acesso a internet pelo celular será maior do que em por notebooks e deskotops.

Confira mais no vídeo acima.

Mobilize-se

15 10.2010
Por Denis Zanini Lima [ postado às 16:43 ]

De todas as vertentes do marketing a que mais me atrai atualmente é o mobile.

Não por acaso foi tema do meu business plan no MBA.

O mobile marketing é um dos meios mais completos, inteligentes, customizáveis e baratos para interagir de forma amigável com o consumidor, em qualquer dia, horário e local. E o melhor: não precisa ser interruptivo.

Como afirma Ricardo Cavallini, um dos autores do livro #mobilize, mobile não é uma tecnologia, é uma mudança de comportamento.

A partir do momento que o celular deixou de ser um mero meio de transporte de dados voz (apenas 19% dos usuários usam o celular somente para falar), uma revolução sem precedentes teve início.

Atualmente, com os devices mais modernos, é possível ouvir música, ver vídeos, navegar pela internet, jogar, trocar mensagens, pagar contas, comprar produtos, participar de promoções, achar a rua que queremos, trocar arquivos, tirar fotos, ver a previsão do tempo, etc, etc, etc.

Ou seja: o celular tornou-se uma aparelho que está conosco 24 horas [em mode on] e conhece profundamente nossos hábitos.

Isso não é tudo que as empresas pediram para se comunicar com seus clientes de modo mais eficaz?

Com a chegada dos tablets ao Brasil, aliada à profusão dos celulares, nem o céu será o limite para esse mercado.

Para quem quiser saibar mais o livro #mobilize está disponível para download gratuito no www.mobilizebook.com.br

compartilhe:
Share
1 comentário

O mundo em 2014

10 09.2010
Por Denis Zanini Lima [ postado às 21:36 ]


Não.

Para decepção dos fãs dos Jetsons, em 2014 ainda não teremos empregadas-robôs, nem calçadas rolantes, muito menos carros voadores.

Em compensação a geração e o compartilhamento de conteúdo informativo será mais fácil e intuitivo.

Vários objetos serão plataformas midiáticas: alarmes, espelhos…Além disso a transmissão de dados de um device para outro se dará com um simples arrastar de dedos na tela.

Pelo menos é o que prevê a Tat, agência sueca especializada em experiência digital móvel.

Vejam o vídeo.

Peguei lá no Midia Boom